terça-feira, 26 de março de 2013

PARACETAMOL (TYLENOL) - VERDADE !

Não sei a fonte caso seja o dono mim informe por favor lhe darei os créditos ,peguei no Facebook!

Pessoal... Dêem uma lida na Enciclopédia Wikipédia e confirmarão esta notícia
Segundo o Prof. Dr. RENAN MARINO, professor de Pediatria na FAMERP (FACULDADE DE MEDICINA DE S. J. RIO PRETO-SP), a dengue é uma doença virótica, parente da hepatite C, e sempre foi benigna, isto é, nunca matou. E NÃO MATA!
Isso até 1957, quando surgiu no mercado a droga chamada PARACETAMOL (TYLENOL).
Foi imediatamente indicada como tratamento para dengue pelo Ministério da Saúde Brasileiro, embora não exista nenhum trabalho NO MUNDO TODO que comprove a eficácia deste veneno no tratamento da dengue.
A partir de 1957, a dengue começou a matar.
O PARACETAMOL é uma droga que destroi o fígado do paciente.
O virus da hepatite C já detona o fígado e, com o veneno do PARACETAMOL, esse fígado é destruído, o que leva o paciente à morte.
A dengue hemorrágica nada mais é que a reação do organismo, quando o fígado, destruído pelo PARACETAMOL, provoca a morte do doente.

Segundo ainda o Professor Doutor Renan, se o paciente NÃO TOMAR PARACETAMOL, ele terá todos os sintomas da dengue: mal estar, febre, dores nas juntas, vômitos, coceiras e dor nos fundos dos olhos, mas, após uma ou no máximo duas semanas, estará VIVO e bem.
MAS, SE TOMAR PARACETAMOL, corre o risco de morrer.
Nos Estados Unidos e na Grã-Bretanha, esse veneno é proíbido.
Na Grã-Bretanha, é usado como forma de suicídio.

Tomando 10 comprimidos do veneno chamado PARACETAMOL, em cinco dias seu fígado é destruído e se, não fizer transplante, morre.

Por isso, se você ama alguém, informe-o disso.
Segundo o médico Prof. Dr. RENAN MARINO, pode-se tomar dipirona e seus derivados, pois não são metabolizados no fígado.


                                  

Um comentário:

jaque depaulo disse...

Estava procurando por informações sobre paracetamol e me deparei com este blog. Desculpe, mas sou estudante de Farmácia-Bioquímica e este médico que fez tais afirmações não pode ser chamado de médico, ele precisa voltar para a faculdade! O paracetamol trata OS SINTOMAS da dengue (dor e frebre), pois não há tratamento específico para dengue, somente esperar que o organismo combata o vírus causador da doença. O paracetamol é seguro quando utilizado nas doses recomendadas (dosagem máxima de até 4g em 24h para adultos e 75mg/kg em 24h para crianças) para indivíduos que não possuem problemas hepáticos. Se for utilizado em quantidade acima dessa dosagem ele será prejudicial. Se alguém tomar 10 comprimidos em 5 dias é claro que será prejudicial, pois se caracteriza uma superdosagem. O paracetamol é utilizado em todo o mundo, inclusive nos EUA e Grã-Bretanha para tratamento de dor e febre, ele não é proibido nestes países (pesquise!). Outra informação errônea é que a dipirona não é metabolizada pelo fígado. A dipirona é sim metabolizada no fígado, assim como a maioria dos medicamentos que utilizamos. A dengue pode evoluir para um comprometimento hepático, por isso é de vital importância que o curso da doença tenha acompanhamento médico. E somente ele pode prescrever paracetamol ou qualquer outro medicamento, após examinar o paciente, julgar seu estado de saúde e a necessidade do medicamento. Qualquer medicamento traz riscos, mas quando utilizado corretamente, o benefício será maior. Somente o profissional da saúde é capaz de fazer esta avaliação de risco versus benefício.