sábado, 15 de março de 2014

Leia, para que seus filhos leiam

Cristina Moreno de Castro, no Blog da Kikacastro
Cresci numa casa abarrotada de livros. Nos armários, todos os armários, nas caixas. Eu mesma criei uma "biblioteca" improvisada, com uma caixona de leite, onde colocava vários livros, e que deixava debaixo da minha cama. Tínhamos uma coleção imensa da Barsa, livros grandes e vermelhos, onde pesquisávamos as coisas para a escola, naquele mundo pré-Google. Família inteira, principalmente meus pais, sempre leu muito. Cada um enfurnado em seu canto, viajando por seu mundo literário do momento.
E, nesse ambiente, é impossível que eu tivesse crescido sem adorar ler. Leio o dia inteiro, literalmente. E, chego em casa à noite, olhos ardendo, em busca do meu livro do momento. Ou seja, leio pra descansar, assim como leio pra aprender e leio pra trabalhar. A leitura supre quase todas as necessidades. Me desapego rapidinho de roupas, que dispenso em várias doações ao longo do ano, mas é difícil eu me desapegar de algum livro.
Assim, quando eu tiver filhos, é muito provável que eles aprendam a amar os livros, como aprendi com meus pais superleitores. E, se você quiser que seus filhos adquiram o mesmo hábito, comece por moldar o espelho: leia bastante, pra que eles peguem o exemplo ;)
Quem dá essa dica de ouro nem sou eu, mas o grande Liniers, um dos melhores cartunistas do mundo. Vejam;
1
"Se querem que seus filhos sejam leitores, deixem que eles te vejam lendo."

3 comentários:

Carina Pilar disse...

Certamente é uma excelente dica! Passar este "vício" maravilho para os filhos! =)

CarinaPilar.com | Sobre a Vida

Carolina Ribeiro disse...

Acho muito importante o incentivo à leitura, porém não acredito muito nessa coisa "leia, para que seus filhos leiam". Meu irmão e eu tivemos a mesma criação, mas eu sou louca por livros e leitura, e ele não. rsrsrsrs
a família influenciar, e muito, e o incentivo é muito importante, mas acho que tbm vai um pouquinho de cada um xD

http://carolinaribeirobr.blogspot.com.br/?view=classic

Adriana Macedo. disse...

Quando eu era criança nunca tive o habito da leitura, infelizmente também não passai o bom habito para meu filho ,mas depois de adulta comecei e gostei muito, e consegui passar o "vicio" para o meu filho, leio muito mais que ele , mas mesmo assim é um prazer que aprendemos a compartilhar juntos.
Bjs
http://meupassatempoblablabla.blogspot.com.br